Navegação
  •  

SPPA

SETOR DE POLÍTICAS E PROJETOS ACADÊMICOS (SPPA/EMUFRN)

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE

ESCOLA DE MÚSICA

SETOR DE POLÍTICAS E PROJETOS ACADÊMICOS (SPPA/EMUFRN)

   

APRESENTAÇÃO

 O Setor de Políticas e Projetos Acadêmicos da Escola de Música da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (SPPA/EMUFRN) representa a concretização de uma das propostas apresentadas pela Diretoria da EMUFRN para a gestão 2016-2020. O Setor nasce com base nas demandas que, comumente, antecedem a realização de eventos acadêmicos da EMUFRN e que, por vezes, sobrecarregam o corpo docente no processo de captação de recursos. O SPPA, nesse sentido, foi criado com o objetivo de:

  •  Assessorar a comunidade acadêmica da EMUFRN na elaboração de projetos para captação de recursos junto a instituições, instâncias, programas, órgãos e agências de fomento ao ensino, pesquisa e extensão universitários.

  

METODOLOGIA DE OPERACIONALIZAÇÃO

 A fim de atender à comunidade acadêmica da EMUFRN da melhor forma possível, um estatuto (link) do Setor foi elaborado, com o objetivo de apresentar os princípios do Setor, bem como evidenciar os norteamentos e normas a quem tiver interesse.

 

EQUIPE

 O SPPA/EMUFRN conta com dois núcleos que, embora distintos, se articulam com vistas a promover a indissociabilidade entre as atividades de ensino, pesquisa e extensão da EMUFRN:

  • Núcleo de apoio a projetos acadêmico-científicos
  • Núcleo de apoio a projetos artístico-culturais

 

A Coordenação do Setor, e dos seus dois núcleos, está a cargo do prof. Mário André Wanderley Oliveira.  O Setor conta com o auxílio de estudantes estagiários(as), que são bolsistas ou voluntários(as). Eles(as) monitoram e divulgam a publicação de editais (destacando suas finalidades, possibilidades e restrições, prazos para submissão de propostas, além de previsões de relançamentos), bem como, coletam, classificam, organizam e divulgam modelos de projetos, com vários perfis. Os(as) estagiários (as) também agendam e acompanham os atendimentos.

A proposta é que o SPPA tenha, nesse sentido, também um viés educativo, no intento de contribuir com a formação dos(as) estudantes atuantes no Setor. As experiências oriundas desse estágio abarcam 1) um processo de gradativa familiarização com as políticas de fomento dos mais diversos órgãos, agências e empresas e 2) a construção de competências para conceber projetos com diferentes alinhamentos políticos e com as demandas de eventos da área de música.

 

FILOSOFIA

 O SPPA/EMUFRN está ancorado em princípios democráticos, valoradores da colaboração e da diversidade de perspectivas e ideias. É um pressuposto do Setor o entendimento de que a música, em suas dimensões artístico-culturais, acadêmico-científicas, estéticas e éticas, subsidia a compreensão do ser humano pelo próprio ser humano, bem como potencializa elementos agentivos, que o auxiliam em suas transformações de ser, compartilhar, sentir(-se) e estar no mundo.

 

HORÁRIOS DE FUNCIONAMENTO

O Setor atenderá a comunidade acadêmica de segunda a sexta-feira, no turno vespertino (das 13h às 16h). As assessorias ocorrerão preferencialmente nesses horários - podendo ocorrer fora deles, a depender de agendamentos prévios e da disponibilidade da equipe.